Fernando A Freire

Amar a dois sobre todas as coisas

Textos

QUASE TODOS PERDIDOS DE ARMAS NA MÃO



Se misturar fanatismo religioso com política
a roda se deforma e girará de forma elíptica; caminharemos aos sopapos e mil catabios:
imbecilizados, em desarmonia, vadios, vazios...

Cantaremos hinos nazi-nacionais-religiosos;
refrãos melosos, enganosos e maliciosos.
Partidos e igrejas disputarão denominações
e se incluirão leis mosaicas nas constituições.

Louvores de pastores, deputados e senadores.
Nas cidades, necessidade de pastores vereadores.
Corrupção, NÃO!, - porque "Deus está vendo";
caixa dois, SIM - até tem ministro defendendo.

Almas lavadas, armas leves, armas pesadas...
"Negrinhos de almas brancas", armas carregadas.
Crianças atirando, duvidosas armas de brinquedo,
e as rezadeiras disparando: "Deus está com medo!"





 
Fernando A Freire
Enviado por Fernando A Freire em 29/11/2018


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras